PT | EN | FR | ES

 

 

PERU – NOVA VIA EXPRESSA NA CIDADE DE CUSCO

O Grupo COBA irá desenvolver, em consórcio com uma empresa consultora peruana, o projeto de execução da Via Expressa da cidade de Cusco, financiado pelo Banco Mundial, tendo como entidade contratante o Proyecto Especial Regional Plan COPESCO, do Governo Regional de Cusco.

No âmbito do Programa de Melhoramento dos Transportes na cidade de Cusco, o COPESCO é recetor de empréstimos do Banco Mundial que cobrem parte do investimento nas diversas intervenções. Na componente que respeita à melhoria integral da Via Expressa, o investimento previsto é de 140M USD, sendo cerca de 80% financiado pelo Banco Mundial.

O COPESCO é um órgão executor de projetos de investimento público no desenvolvimento de infraestruturas e valorização de recursos turísticos. Na cooperação com o Banco Mundial, foi definido como prioritária a intervenção na Via Expressa, bem como a consolidação do circuito turístico Cidade Histórica de Cusco – Vale Sagrado dos Incas, incluindo Machu Picchu.

O projeto de execução da Via Expressa permitirá desenvolver uma solução viária urbana, estruturante da cidade de Cusco, numa extensão de 7 km, ligando o centro histórico à via periférica, com traçado adjacente à pista do aeroporto, incluindo quatro vias por sentido, nós de ligação, passagens desniveladas e duas pontes, bem como circuitos e passadiços pedonais e ciclovias, num conceito de boulevard. Os estudos de integração da Via Expressa no contexto urbano permitirão converter os espaços existentes numa via de grande capacidade que respeite em segurança a condição residencial e comercial da zona e ajude à descentralização, dando uma imagem mais moderna à cidade, sem entrar em conflito com a zona histórica.

Em complemento da participação na coordenação do consórcio, o Grupo COBA intervirá nas especialidades de topografia, traçado e projeto rodoviário, assim como de solos e pavimentos. Os estudos terão uma duração de 8 meses, com início previsto em abril de 2016.

 

Lx, 29 Fev 2016