ANGOLA - CENTRAL DE LAÚCA EM PLENA OPERAÇÃO (2004 MW)

 

Neste mês de Dezembro entrou em operação o sexto grupo da central principal do Aproveitamento Hidroelétrico de Laúca, perfazendo assim a potência total prevista de 2004 MW, encontrando-se atualmente em curso, entre outros trabalhos, a execução da central de caudal ecológico, com potência adicional de 65,5 MW. Esta central, localizada no rio Kwanza, é atualmente a segunda maior central hidroelétrica em operação em África (a seguir a Cahora Bassa com 2075 MW), tendo a COBA tem sido responsável pela Assessoria Técnica ao Dono de Obra, Fiscalização e Análise de Projeto (Owners Engineer).

A entrada em operação dos vários grupos geradores de Laúca ao longo dos últimos 4 anos mais do que duplicou a capacidade instalada em centrais hidroelétricas em Angola e contribuiu decididamente, em conjunto com a Central de Cambambe 2 (714 MW) em que a COBA foi responsável também pelo Owners Engineer, para resolver situações de permanente carência no fornecimento de energia elétrica a Luanda e a grande parte do território de Angola, viabilizando a expansão do Sistema Centro da rede nacional de transporte de energia com origem no médio Kwanza e das respetivas redes de distribuição, abrangendo esse sistema atualmente um total de 10 províncias onde vive cerca de 70% da população angolana. Atualmente está em fase inicial de construção o Aproveitamento Hidroelétrico de Caculo Cabaça (2120 MW), cujo Projeto foi desenvolvido pela COBA e no qual somos responsáveis pela análise de projeto, que reforçará a capacidade de geração de energia por fontes renováveis para fazer face ao esperado crescimento dos consumos de energia no país.

 

Lx, 31 Dez 2020